Começarei agora uma das leituras mais belas
Lerei o livro sobre você, minha pequena aquarela
Lerei com calma
Sem restrições
Guardarei todas suas paixões
Assim, deixarei que viva
Quem sabe uma vida alternativa
Apenas seja receptiva
Para uma nova vida
Pois tudo que há de inovador
Traz felicidade e quem sabe remove a dor



Lerei também o capitulo que contém a saudade
Saudade do teu abraço que enrola
Da tua gargalhada que contagia
E do teu riso que consola




O próximo capitulo é do teu crime passional
O crime que tu cometes ao fazer me ama-lá tanto
Tão irracional 
Um tanto mortal
Mas não se preocupe
Não ficarei mal
Roubarei teu manto
E o farei de recanto
Para o meu bem querer 
Que no caso, é você



Pequena amante da física
Troca-lá nunca faria
Poderemos entrar em contato
Assim, poderei lhe doar elétrons
E serei apenas um corpo positivo
E você, negativo
Motivos para te adorar tenho em um arquivo
Só não se perca no equívoco
De um amor não correspondido



Raíssa Siqueira          



3 Comentários

  1. Você escreve muito bem, não me canso de me identificar com o que você escreve, eu fui indicada a participar de um sarau e recitar alguma coisa que escrevo, e queria escrever uma poesia, mas é difícil criar uma, eu sou mais de texto.

    ResponderExcluir
  2. Lindo texto, você escreve muito bem!!!
    Bom fim de semana!
    Bjs❤
    Abrir Janela

    ResponderExcluir